25 de fevereiro de 2014

Ei-las que chegam...

A água estava fria, na manhã em que coloquei o pouso. Pareceu-me ainda mais fria quando tive de o reposicionar.

Já estamos acostumados, aqui no interior beirão, aos visitantes do "turismo do caniçal".

Apesar da distância a que foi obtida, esta foi uma das imagens que seleccionei e que aqui vos deixo.
Tomara que venha a conseguir uma maior aproximação, e que as outras espécies comecem a dar sinais de vida.


Escrevedeira dos caniços - Reed Bunting
Emberiza schoeniclus



Perais
(Fevereiro de 2014)

4 comentários:

Antonio Puig Garcias disse...

Hola amigo JR a pesar de la distancia sigue siendo una magnifica toma,este año los he visto pero no he dedicado ninguna sesion a los Palustres.Un fuerte abrazo.

Majo disse...

~
~ ~ Que coisinha amorosa! ~
~ ~ ~
~ Parabéns por mais esta surpresa.
~
~ Que não faltem boas oportubidades!

Anónimo disse...

Pois, João.
O caniçal não tem auecedores...
Há-de vir mais perto.
Um abraço.
JAntunes

Ana Mínguez Corella disse...

Qué guapo!!!.. Cumprimentos..